• Há mais de 16 anos a Santo Amaro é especialista em serviços e acessórios para automóveis nacionais, importados e caminhões.

Manchas no vidro do carro

chuva-acida

Tudo começou há alguns meses. Um bando de manchas estranhas, parecendo óleo, apareceram na parte externa dos vidros dianteiro e traseiro do carro. Logo constatei que não tratava-se de óleo pois, ao passar o dedo com força, as manchas continuavam lá e o dedo não ficava oleoso. O problema ficava grave quando chovia, pois eu começava a perder visibilidade.

A verdade é que tentei de tudo para remover as manchas: limpa vidros, álcool, querosene, detergente, jornal, oração, homeopatia etc. Nada adiantou. Comecei a pesquisar na Internet e cheguei à conclusão de que tratava-se de manchas causadas por chuva ácida. Nisso, descobri, no Mercado Livre, um produto chamado Transparex, que o vendedor dizia ser próprio para a remoção de manchas (incluindo chuva ácida) de vidros, principalmente em box de banheiros e em automóveis. Comprei o produto. Ao ler as instruções do fabricante na embalagem, estava bem claro: “não passar no vidro dianteiro de carros na região onde atuam as paletas”. O problema é que o ácido sulfônico, princípio ativo do produto, realça pequenos e grandes riscos que possam ter sido gerados pelas paletas do limpador de para-brisas. Isso me deixou furioso pois o vendedor, na minha opinião, omitiu este fato para vender. Mas resolvi arriscar, afinal o carro era novo (menos de 1 ano – 15.000 Km). Resultado: ganhei um monte de risquinhos no vidro e nada das manchas saírem.

Hoje choveu muito e tive que usar o carro de noite. Um verdadeiro inferno: não enxergava bem a rua. Comecei a pensar e lembrei de que limpava os meus aquários com bicarbonato de sódio. O efeito era surpreendente. O bicarbonato retirava, facilmente, manchas brancas do vidro, causadas por água muito alcalina. Retirava algas também. Fazia milagre mesmo. Ainda, pensei: se a chuva é ácida, a mancha também é. Bicarbonato de sódio é alcalino. Então, os dois vão reagir a se anular. Bem, fui no Extra 24h, comprei uma esponja de lavar louças nova (a Scotch-Brite, que tem um lado amarelo e o outro verde) e um saquinho de bicarbonato. Molhei o vidro do carro e a esponja. Passei o bicarbonato no vidro com o lado “bombril” (lado verde) da esponja. Voilà! Desapareceram as manchas. Simples e rápido. Só não devemos esquecer de limpar muito bem as paletas também, para não manchar de novo o vidro.

Um teste a ser feito: limpeza do box do banheiro (blindex) com bicarbonato para ver se tira aquelas manchas de sabonete que ficam parecendo sujeira. Também são difíceis de serem retiradas. Pelo menos nessas o Transparex funcionou bem.

Uma lição aprendida: principalmente em viagens, é bom ter uma esponja e um saquinho de bicarbonato de sódio no porta-luvas. Tenho certeza de que ele será eficiente também contra óleo e contra aqueles bichinhos que grudam no vidro.

Agora vou começar a pesquisar o efeito do bicarbonato em metais, pois estou pensando, desde que não cause danos, em substituir o sabão do tanque de água do carro por bicarbonato. Mas isso tem que ser bem estudado. Se eu chegar à conclusão de que não agredirá a lataria, vou testar e colocar o resultado aqui. Se alguém for engenheiro químico ou tiver alguma boa experiência, por favor ajude, comentando este post. Ao terminar de escrever este post, resolvi dar uma googada sobre efeito do bicarbonato em metais e, dentre outros sites, encontrei este blog: http://lacos.wordpress.com/2008/01/17/bicarbonato-de-sodio-e-suas-mil-e-uma-utilidades.

Fonte: www.eriberto.pro.br


Deprecated: Directive 'track_errors' is deprecated in Unknown on line 0